Entenda por que não vale a pena aplicar na poupança

Tempo de leitura: 2 minutos

aplicar na poupançaFavorita dos brasileiros, a poupança deixou de ser uma boa opção de investimento há muito tempo. Com alta liquidez e pouco risco, investir nela é a primeira alternativa de qualquer investidor iniciante. Contudo, para saber se esta é a melhor opção é preciso observar a rentabilidade deste investimento, e é justamente este fator que tem deixado, e muito, a desejar.

Um dos aspectos mais importantes para ter certeza se um investimento vale a pena o não é a sua possibilidade de retorno. Com a mudança das regras da poupança, os rendimentos deste tipo de investimento ficaram muito limitados. Nesse post vamos explicar os motivos pelos quais não vale a pena aplicar na poupança, confira:

Entenda a remuneração da poupança

A poupança tem uma remuneração pré-fixada com base em duas taxas: a taxa básica de juros, chamada Selic, e a Taxa Referencial – TR. Ambas são calculadas periodicamente por órgãos do governo, como o Banco Central e o COPOM. A Selic é calculada mensalmente e a TR diariamente.

Quando a taxa básica de juros está acima de 8,5% ao ano, ela rende 0,5% ao mês e mais a Taxa Referencial, que está em torno de 0,03%, o que gera uma rentabilidade anual de cerca de 6,40%. Já quando a Selic está abaixo de 8,5% ao ano a situação é um pouco pior, pois, o rendimento da poupança passa a ser de 70% da taxa básica de juros e mais a TR, ou seja, 6,31%.

Afinal a poupança é ou não um bom investimento?

Se você considerar o contexto econômico atual e as regras de remuneração deste tipo de investimento, podemos dizer com toda a segurança: aplicar na poupança não vale nem um pouco a pena! (Nesse post aqui também falamos mais sobre o assunto)

Ainda que a situação econômica venha melhorando gradativamente, a previsão de inflação para o final do ano é de 7,26%, maior do que o máximo de rendimentos obtidos por meio da poupança. Na prática, isso quer dizer que em vez de ganhar dinheiro, o investidor está perdendo, uma vez que o poder de compra do capital investido será menor no momento do resgate da aplicação do que quando foi depositado.

Por isso, é importante que o investidor estude e conheça melhores formas de aplicar o seu dinheiro, com os menores riscos possíveis e garantindo a rentabilidade. Isso só é possível com conhecimento e um bom método para ganhar dinheiro no mercado financeiro. Ao fazer o curso do Investidor de Sucesso, você aprenderá a identificar boas oportunidades e montar uma cartela de investimentos estruturada para garantir altos rendimentos e conquistar de vez a sua independência financeira.