Dicas de como economizar dinheiro e começar a investir

Tempo de leitura: 11 minutos

Quer investir, mas não sobra nenhuma quantia para isso no fim do mês? Então, caro amigo, este artigo é para você. Hoje vou responder uma das dúvidas que mais recebo dos leitores, além de trazer dicas de como economizar dinheiro ao enxugar o orçamento. E acredite: pode ser muito mais simples conseguir do que você imagina 😉  Vem comigo…

Corte vícios e despesas pessoais supérfluas

Bebidas alcoólicas, o famoso “cafezinho”, aquele chiclete depois do almoço, além do consumo de cigarro, doces e refrigerantes… Esses hábitos, aparentemente inofensivos, podem significar um verdadeiro rombo na sua receita mensal

“Ah, mas eu não tenho um vício”. Analise bem e veja se algum dos costumes abaixo já se tornou algo repetitivo na sua rotina. Caso sim, está na hora de tomar providências e ajustar melhor esse ponto de vista. Mas, a primeira coisa a fazer é ser sincero consigo mesmo e verificar o quanto certos hábitos prejudicam o seu bolso e também a sua saúde física e financeira.

Portanto:

Qual o preço do vício? Veja quanto custa manter certos hábitos

Quanto custa um vício

Cerveja, destilados e vinho são algumas das bebidas preferidas dos brasileiros. E mesmo que você não gaste mais em balada, beber em casa, todo final de semana, pode se tornar uma grande despesa. O valor médio de uma garrafa de vinho, uma cerveja de trigo com 600 ml e a dose de uma bebida destilada mais cara é cerca de R$ 30, ou seja, R$ 120 por mês e cerca de R$ 1.500,00 ao ano.

Depois do almoço ou durante a tarde o cafezinho e o chicletinho sempre caem bem, não é? Até você somar quanto isso lhe custa por mês e também ao ano. Uma xícara média de café está em torno de R$ 8 e, para os consumidores diários, pode representar até R$ 160 dos gastos mensais ou quase 2 mil reais ao ano. Já o chiclete entre R$ 2 ou R$ 5, por dia, pode significar quase R$ 1000 a menos na sua conta até o ano acabar.

E, apesar dos conhecidos problemas relacionados ao consumo de cigarro, o número de fumantes não pára de crescer e o preço deste vício também. Um maço de cigarro, hoje, está em torno dos 7, 8 reais. Vamos imaginar alguém que fuma uma carteira dessas de R$ 7 por dia… Até o fim do mês ela poderia ter poupado R$ 210 ou R$ 2.520,00 em 12 meses. Veja nesta reportagem quanto gasta um fumante ao longo da vida.

Ah, e os doces e refrigerantes… Sim, eles são outros vilões do orçamento (e da saúde também!). Embora haja um enorme esclarecimento sobre seus malefícios, um número espantoso de pessoas ainda consome doces e refrigerantes em quantidades alarmantes. E, no final das contas? Lá se vão R$ 140 por mês, gastando R$ 5 por dia em uma barra de chocolate ou garrafa de 1 litro da bebida. E por ano? Nada mais do que R$ 1.680,00.  

Mas, se você é fã da culinária japonesa e não resiste a um bom sushi, saiba que sustentar esse hábito pode levar uma boa quantia de cifrões para bem longe de você… Um rodízio por pessoa, atualmente, está na faixa dos 80 reais. Levando em consideração que você saia para jantar apenas duas vezes por mês, teria menos R$ 160 na sua conta, e quase R$ 2.000 até o fim do ano.

Dessa forma, com pequenos ajustes na rotina e cuidados financeiros mensais, é possível juntar um bom capital durante o ano para começar a fazer investimentos. Você ainda tem dúvidas disso? Então, verifique onde estão os seus maiores gastos e de que maneira você pode estar perdendo montantes que poderiam lhe render muito mais ; )

Leia também por que é melhor investir do que comprar a casa própria (com 7 poderosos motivos!) Agora vamos em frente com as dicas de como economizar dinheiro! Próximo passo:

Reduza as despesas domésticas

como economizar dinheiro - despesas domésticasOutra maneira de poupar é equilibrando os custos da casa. Muitas vezes, pequenos detalhes fazem toda diferença e evitam desperdícios lá na frente. Veja algumas importantes recomendações:

  • Água: sempre verifique se as torneiras estão bem fechadas e sem vazamentos. Também tenha cuidado ao escovar os dentes, lavar louças e roupas para evitar o desperdício;
  • Aluguel e condomínio: não comprometa mais do que 30% da sua receita com esses custos e lembre-se de pagá-los na data indicada. Você não vai querer pagar multas e juros, certo?
  • Carro: economize gasolina mantendo os pneus calibrados e o filtro do óleo em dia. Se possível também, procure ter rotas alternativas em caso de congestionamento ou de se perder pelo caminho;
  • Chuveiro: tome banhos rápidos e desligue o aparelho para se ensaboar. Já em dias de calor, altere a temperatura para a mais amena;
  • Ferro de passar: junte a maior quantidade possível de roupas e passe tudo para não ligar o ferro diversas vezes. Outra dica é aumentar o calor gradativamente, pois reduz o consumo de energia;
  • Geladeira e freezer: não abra e feche as portas com frequência e, no inverno, regule-os na menor potência. Esses eletrodomésticos também precisam ser trocados a cada 10 anos;
  • Iluminação: abra janelas e cortinas para usufruir ao máximo da luz natural. Evite deixar lâmpadas acesas em ambientes vazios e nos locais mais utilizados prefira lâmpadas fluorescentes;
  • Máquinas de lavar e secar: procure usá-las na quantidade máxima e, no caso das lavadoras, verifique os indicadores de sabão e amaciante para não exagerar sem necessidade;
  • Supermercado: jamais vá às compras com fome e sem fazer lista. Isso evitará que você cometa deslizes. Também fique de olho na disposição dos itens nas prateleiras, os mais baratos sempre ficam embaixo;
  • Televisão: não deixe a televisão ligada sem alguém assistindo, principalmente, ao dormir. Caso a sua possua timer, programe um horário para que ela desligue automaticamente. Além de evitar desperdício de energia, você poupa a vida útil do seu aparelho.

Organização e criatividade = economia

Quer mais dicas de como economizar dinheiro? Então anote essas duas palavras mágicas: organização e criatividade. Sim, é isso mesmo! Uma das coisas que podem ajudá-lo a valorizar o seu dinheiro é envolver a família no seu planejamento, criar metas de economia para cada um e prêmios para aqueles que atingirem o objetivo. Que tal? Saiba mais neste artigo.

Outra coisa bem legal (essa é para você que gosta de jantar fora): aprenda a cozinhar! E não é preciso fazer cursos de culinária para isso, você pode fazer pratos dignos de chef aprendendo tudo pela internet e vídeos do Youtube. Atualmente, existem uma série de sites e canais repletos de receitas incríveis para você testar em casa. A diversão e a economia estarão garantidas ; )

Além disso, você pode aprender a preparar itens que possam ser congelados e consumidos um tempo depois. Ou seja, economia de tempo e de mais gastos com restaurantes durante a semana Portanto, nesse novo desafio, só existem ganhos! Você ganha uma nova habilidade e pode utilizar a quantia que gastaria para fazer refeições fora para guardar e investir.

E já que estamos falando nisso, que tal aprender novas formas de lazer? Para manter seu orçamento em dia você não precisa deixar de aproveitar, basta procurar alternativas: um piquenique durante o dia numa bela paisagem da cidade, desbravar um novo local por uma trilha, andar de bike em uma tarde ensolarada… Enfim, as opções são inúmeras! Basta usar a criatividade.

Conclusão: é possível, sim, ser feliz economizando!

Por isso:

A empresa não pode ficar de fora

como economizar dinheiro na empresaSeja você empresário ou colaborador, as dicas de economizar dinheiro devem ser aplicadas em todos ambientes dos quais você faz parte. Afinal, mais do que hábitos individuais, respeitar os processos e o valor das coisas, evitando desperdícios, são atitudes construtivas que precisam ser adotadas como um estilo de vida que beneficia o coletivo. Com isso, seja ponderado e sempre considere:

Ser estratégico: tenha metas para aumentar resultados, mas também para diminuir custos. Faça isso e defina uma estratégia para alcançá-los;

Envolver-se: participe de todas as medidas que forem solicitadas envolvendo a economia de insumos e comemore cada vitória;

Otimizar o tempo: enquanto estiver na empresa, aproveite ao máximo para resolver as tarefas pendentes e estipule uma jornada mais curta de trabalho;

Terceirizar: pode ser uma forma bastante interessante de contratar serviços e também de oferecê-los para que todos possam ganhar;

Otimizar processos: Isso quer dizer, desempenhar com agilidade e qualidade tudo aquilo que fazemos.

E, agora, depois de todas essas dicas de como economizar dinheiro chegou a hora de colocar em prática tudo o que vimos hoje. Vamos lá?

Planeje suas finanças

Planejar é sinônimo de economizar. Sem um bom planejamento você não consegue definir e ter controle sobre os gastos, além de não poder analisar despesas supérfluas para cortá-las e fazer o dinheiro sobrar no final do mês.  Por isso, minha última dica para você, no post de hoje, é: planeje suas finanças. E que tal iniciar já?

Fazer isso é muito simples: descreva todos os seus custos mensais em um papel. Após, separe cada gasto por grupos de despesas, como alimentação, aluguel, condomínio, energia elétrica e assim por diante. Essa é a forma mais fácil de visualizar qual o seu grupo de despesas mais alto para então revisá-lo e encontrar uma forma de despender menos com ele.

O próximo passo é eleger um montante que será pago, mensalmente, a você mesmo para investir. Mas, atenção: esse item deve ser o mais importante da lista e o 1º a ser quitado assim que receber todo mês. Lembre ainda de separar um valor para despesas eventuais (presentes, consertos e remédios) e de estabelecer um limite para as variáveis, como o lazer, por exemplo.

Para ajudá-lo nessa organização, preparei uma super planilha de planejamento financeiro para você. Nela você vai encontrar todos os campos de que precisa para registrar e calcular suas despesas e receitas. E mais: você vai conseguir ainda calcular o quanto pode investir e o quanto está investindo de fato. Utilize-a e esteja preparado para trilhar um novo caminho em suas finanças! Basta clicar aqui para baixar a Planilha de Orçamento Familiar

Dicas de como economizar dinheiro e começar a investir – Recapitulando

como economizar dinheiro para investir

1 – Corte vícios e despesas pessoais supérfluas: os famosos cafezinhos e outros itens podem estar causando um belo ‘rombo’ no seu orçamento;

2 –  Reduza as despesas domésticas: pequenos cuidados, como evitar o desperdício de água e aproveitar a luz natural podem fazer grande diferença;

3 – Organização e criatividade = economia: faça tudo o que você gosta de outra maneira e ganhe novas habilidades para economizar;

4 – A empresa não pode ficar de fora: muito mais do que um hábito, economizar deve ser um estilo de vida para todos os seus ambientes;

5 – Planeje suas finanças: afinal, sem essa organização fica difícil trilhar um novo caminho rumo à independência financeira!

(Veja ainda: 6 matadoras dicas para ganhar dinheiro investindo.)

Então, economizar não é um ‘bicho de sete cabeças’ como parece. Muito pelo contrário, ela é uma forte aliada do nosso bem-estar e de nossa saúde de um modo geral. Se você quer deixar vícios que o prejudicam para trás, troque-o pelo desejo de se aprimorar e de elevar sua vida financeira a um novo patamar. Por isso, conheça o método Investidor de Sucesso e transforme sua vida para sempre!

Que possamos trilhar juntos essa nova jornada!

Forte abraço e até o próximo post!

Marcello.