Como gerenciar riscos em Forex

Tempo de leitura: 6 minutos

Quando se trata de investimentos em renda variável, não é raro encontrar quem tenha aquela insegurança: “será que é muito arriscado?”. Quando a ideia é investir no exterior, buscando obter lucro com as transações de moedas estrangeiras essa sensação de risco aumenta ainda mais. Por esse motivo, produzi esse artigo que dá algumas das principais dicas de como gerenciar riscos em Forex. Confira a seguir:

1.     Determine a Alavancagem

A alavancagem é um dos grandes benefícios do Forex em minha opinião. Poder controlar diversos contratos de moedas de um tamanho significativo ao mesmo tempo, tendo depositado na corretora como garantia apenas uma fração do volume movimentado é realmente algo muito poderoso.

Contudo, a alavancagem pode ser extremamente danosa e perigosa se utilizada de forma irresponsável. Recentemente um amigo que investe em Forex me ligou. Ele começou a investir faz pouco tempo, questão de 6 meses. Começou com uma conta pequena e uma ambição grande. Nos primeiros meses ganhou muito bem. Fez um aporte na conta dele de algumas dezenas de milhares de dólares, cresceu o olho, aumentou a alavancagem e deu tchau pro dinheiro dele.

Eu recomendo criar a sua conta com a maior alavancagem disponível possível. A corretora que uso aceita alavancagem de até 1:400 (eu só precisaria ter 1/400 avos, ou 0.25% do volume que eu quero controlar como garantia). Essa alavancagem da conta que está disponível para mim é a alavancagem saudável, quanto mais, melhor. A alavancagem perigosa não é a que está disponível, mas sim a que você utiliza de fato ao abrir uma posição.

Traçando um exemplo:

Com alavancagem de 1:400, eu poderia ter apenas $1.000 na conta e controlar uma posição 400 vezes maior, ou seja, de $400 mil. O dia que eu fizer isso, podem me internar, pois eu estarei fora de mim. Fazer isso é loucura. Isso não é operar, ou investir, isso seria jogo puro. Transformaria o mercado em um cassino. Um movimento de apenas 10 pips no preço representaria uma variação de 40% na conta.

O bom de ter uma alavancagem grande, é que eu posso arriscar apenas 1% do meu capital por exemplo ($10, supondo um capital incial de $ 1mil) e ter apenas alguns poucos dólares da minha margem usados, possibilitando que eu venha a assumir diferentes posições em diferentes moedas, todas ao mesmo tempo, e em cada uma delas arriscando bem pouco e, ainda assim, tendo muita margem liberada.

2.    Aprenda a Calcular seus Riscos e Potencial de Lucro

Muitos dos que começam no Forex mal sabem o que é um pip, quanto mais saber a matemática por trás das negociações que faz tudo acontecer! Calculam os lucros só depois de auferidos, e mal se preocupam com o quanto estão se arriscando em cada operação.

Deixam a ganância e a insaciável sede tomarem conta, ficam eufóricos quando acertam, ou melhor, enquanto acertam, pois botam tudo a perder depois de uma pequena sequência de perdas. Tudo por não saberem calcular e gerenciar os riscos envolvidos (mais sobre gerência de riscos logo abaixo).

Existem calculadores online que fazem todas as contas e conversões de moedas para você, você não precisa saber fazer essas contas na mão. Mas pelo menos use essas calculadoras.

Existem também EAs, que auxiliam você nas operações manuais. Você configura nesses EAs o quanto de risco quer assumir (seja um valor em dólares ou um valor percentual) determina o tamanho do seu SL e TP, e depois disso configurado basta apertar no botão comprar ou vender que o EA calcula o tamanho do lote de acordo com o risco e SL definidos, abre a posição pra você e já define os pontos de saída. Tudo isso em apenas um clique.

Você pode ficar sem saber a matemática por trás, mas você precisa pelo menos usar ferramentas como as calculadoras online de forex ou esses EAs que fazem as contas por você.

3.     Gerencie o seu Risco e Determine uma Política de Operações

Gerência de risco é fundamental. Eu inclusive considero que a gerência de risco é mais importante do que a estratégia ou setup de operações escolhido. Uma estratégia excelente pode ser arruinada por uma gestão de risco fraca e irresponsável, e uma estratégia fraca pode se demonstrar lucrativa com uma boa gestão de risco.

Gerência de Risco é um tema complexo com diversas nuances para que eu me aprofunde nesse artigo. O propósito do artigo é de alertar e deixar você ciente de alguns cuidados que deva tomar e as áreas onde você deve buscar mais conhecimento.

Com esse intuito, aqui vão algumas dicas:

4.     Itens para considerar ao gerenciar riscos em Forex:

  • De modo geral, fuja de estratégias que usem modelos de gestão baseados em grade (grid) e/ou martingale. No longo prazo a chance de eles darem errados é gigante.
  • Estabeleça um risco máximo por operação e nunca o ultrapasse.
  • Defina o risco máximo total que você aceita correr. A soma dos riscos inviduais de todas as suas operações em aberto. Digamos que a exposição máxima seja de 5%, a soma dos riscos de todas as ordens em aberto nunca pode superar 5% do seu capital.
  • Sempre estabeleça os critérios de saída, tanto de SL quanto de TP, antes de abrir a sua posição
  • Sempre use StopLoss. Sempre, simples assim.
  • Nunca aumente o tamanho do StopLoss depois que a ordem já foi aberta. Você pode encurtar, mas não pode aumentar.
  • Determine um máximo em dinheiro que aceita perder num dia. Quando chegar nesse limite, pare de operar.
  • Determine um máximo de ordens que podem ser encerradas com prejuízo em um determinado dia. Quando atingir esse limite, pare de operar pelo resto do dia.
  • Quando atingir um dos limites pare de operar, descanse, se distraia um pouco e, só depois, volte para analisar o ocorrido e tentar identificar o motivo para isso ter acontecido e se você poderia ter feito algo diferente.

5.    Sempre use StopLoss

Eu falei um pouco sobre isso na seção acima, mas isso é tão importante que merece ser repetido aqui.

Como gerenciar riscos em Forex – Considerações Finais

Eu espero que esse artigo tenha te chamado a atenção para alguns pontos que você precisa rever e aperfeiçoar e que ele tenha sido um ponto de partida para uma mudança de comportamento diante do mercado.

É importante tratar o mercado com muito mais respeito e cuidado, sempre com o objetivo maior de preservar o seu capital – enquanto faz ele crescer ao longo do tempo -, em vez de manter a ilusão de enriquecer em pouco tempo, botando tudo a perder em poucas operações.

Sucesso em Forex

Já que você chegou aqui, acredito que esteja pronto para aprofundar seus conhecimentos no mercado de Foreign Exchange (Forex). Por isso, te convido para conhecer o meu curso Sucesso em Forex, onde eu ensino uma metodologia passo a passo, testada por vários investidores experientes e que pode ser facilmente aprendida por quem está começando do zero. Clique aqui para conhecer!