A Fórmula Mágica para escolher as melhores ações na bolsa de valores

Tempo de leitura: 4 minutos

Olá,

Muito prazer, meu nome é Gustavo Rigon. Tenho, a partir de hoje, a importante e grata missão de escrever artigos a você, Investidor de Sucesso, sobre uma das grandes paixões que tenho na vida: investimentos. Neste primeiro contato irei explicar a famosa Fórmula Mágica para escolher as melhores ações para investir na bolsa de valores. Sim, ela realmente existe!

Ao final, vou mostrar como aplicar a fórmula e descobrir quais as melhores ações para investir na Bovespa hoje. E, por fim, iremos disponibilizar uma planilha com o ranking das 115 ações utilizadas no experimento. É só informar o seu e-mail e baixar!

Vem comigo!

Os índices que ajudam a escolher as melhores ações

A famosa Fórmula Mágica, de Joel Greenblatt, aplica os conceitos do livro “The Little Book that Beats the Market” para revelar quais as melhores e piores empresas para se comprar ações no momento. A ideia de Greenblatt consiste em elaborar um ranking utilizando dois múltiplos bem conhecidos: ROIC e EY. 

Explicando: Return On Invested Capital (ROIC), como o próprio nome sugere, é o retorno sobre o capital investido e é utilizado, basicamente, para nos fornecer o senso de quão bem a empresa está usando seu dinheiro para gerar retorno. Já Earnings Yield é um indicador que utiliza o lucro por ação (LPA) dos últimos doze meses divididos pela cotação atual da ação.Para encontrar os dados das empresas (ROIC, LPA e cotação) sugiro utilizar o site: www.fundamentus.com.br.

Aí vai um exemplo bem simples de como encontrar o EY: vamos supor que a ação está sendo cotada a R$ 10 e o Lucro por ação (LPA) do último ano foi de R$ 0,50. É só dividir os 50 centavos por 10 reais (0,50/10), multiplicar por 100, que chegamos ao EY de 5%. Esse indicador serve para mostrar, entre outras coisas, se a ação está barata ou cara, de acordo com o lucro que vem entregando ao acionista.

Como montar o ranking das melhores ações para investir

fórmula para escolher as melhores ações 2No topo da primeira lista, inclua as empresas com maiores ROIC – e siga na ordem decrescente, pois quanto maior o ROIC, melhor. 

Na segunda lista, coloque no topo as empresas com os maiores EY – e siga na ordem decrescente, pois quanto maior o percentual de EY, mais descontada a empresa se encontra.

Por fim, ambos os rankings são somados e as empresas com as menores pontuações seriam, em tese, as empresas lucrativas a preços mais atrativos no momento – e que, deverão ser analisadas de forma mais profunda para possíveis investimentos.

Veja como escolher as melhores ações para comprar na Bovespa

Segue, então, um exemplo prático: a empresa A foi a 1ª colocada em ROIC e a 40ª colocada em EY, totalizando 41. Já a empresa B foi a 15ª colocada em ROIC e a 20ª colocada em EY, totalizando 35. Neste caso, apesar de a empresa A ser a líder em retorno sobre capital, o certo, segundo a fórmula, é investirmos na empresa B, que somou menos pontos.

Vou dividir com você, então, o levantamento que fiz esta semana ao replicar a Fórmula Mágica de Greenblatt, utilizando a média do ROIC e a média do EY dos últimos cinco anos, em 115 empresas da Bovespa. Com vocês, o resultado: e as 5 primeiras empresas do ranking foram…

5 melhores empresas para investir na Bovespa esta semana:

1° Tarpon (TRPN3);

2° Transmissões Paulista (TRPL4);

3° Unipar (UNIP6);

4° Portobello (PTBL3);

5° Comgás (CGAS5).

5 piores empresas para investir na Bovespa esta semana:

110° Triunfo (TPIS3);

111° Metalúrgica Gerdau (GOAU4);

113° Paranapanema (PMAM3);

114° Usiminas (USIM5);

115° Gafisa (GFSA3).

Baixe aqui a planilha completa com as empresas lucrativas mais baratas da Bovespa!

*Dados foram apurados na segunda quinzena de julho.

Muita cautela na hora de investir

Cabe ressaltar que toda e qualquer fórmula (mesmo a Mágica) deve ser utilizada de maneira MUITO prudente; servindo somente como um bom indício de investimento e nunca como um indicador definitivo. De forma que recomendo a utilização do ranking apenas como um primeiro filtro. Especialmente considerando o festival de bizarrices políticas e a dificuldade de se prever algo neste País.

Posto isso, gostaria de dar as boas-vindas a você e de ratificar o meu compromisso de me esforçar para que a leitura, na medida do possível, seja agradável, com informação útil, relevante e que, de alguma forma, o ajude no desenvolvimento pessoal e financeiro. 

Conte comigo nessa tarefa!

Gustavo Rigon

Abraço,

Gustavo Rigon.
*Gustavo Rigon é colunista e escreve semanalmente para este blog e para a newsletter Investidor de Sucesso.