Os 5 passos para avaliar a saúde de uma empresa na bolsa de valores

Tempo de leitura: 3 minutos

empresa na bolsa de valoresA bolsa de valores é, sem dúvidas, uma das melhores maneiras de investir seu capital para conquistar altos rendimentos. Ao contrário do que se imagina, trabalhar com aplicações nesse mercado é simples e até mesmo os investidores iniciantes, que estão “engatinhando” nessa área, podem se aventurar na bolsa e conseguir ter lucros significativos.

Um dos segredos para começar a investir e ser bem sucedido nessa área é saber selecionar corretamente quais organizações farão parte da sua carteira de ações. E se você quer descobrir como fazer isso, confira aqui os 5 passos para avaliar a saúde de uma empresa na bolsa de valores e saiba como escolher as opções mais seguras para o seu investimento

 

Tenha uma perspectiva geral da empresa no mercado


O primeiro ponto a ser analisado sobre uma empresa que você pretende incluir na sua carteira de ações é a reputação dela no mercado como um todo. Sempre dê preferência a companhias que possuem uma imagem positiva, sólida e que estejam em uma posição privilegiada em comparação com a média de seus concorrentes.

Estudar profundamente cada uma das empresas que podem entrar na sua carteira é essencial para não errar. Saber qual fatia de mercado que ela possui (seu market share), como é o relacionamento dela com clientes e  fornecedores e conhecer quem são as pessoas que estão à frente do negócio são apenas alguns exemplos de aspectos que você deve considerar para ter as garantias necessárias que precisa para investir.

 

Analise o grau de estabilidade financeira da empresa

Antes de investir o seu dinheiro nas ações de uma empresa, é fundamental que você saiba como ela lida com o seu próprio capital. Ter consciência da saúde financeira, saber qual é o fluxo de caixa, se a empresa é lucrativa ou se possui dívidas ativas é uma maneira de proteger-se de investimentos arriscados e ter uma perspectiva real da rentabilidade futura da organização.

 

Verifique a solidez da empresa no mercado

Além de analisar a situação financeira da empresa, é preciso saber qual é a credibilidade dela perante o mercado. Saber se as ações da empresa podem gerar lucros mesmo nos piores momentos da economia é um fator determinante para se dar bem nesse negócio.

Vale dizer que quando acontece uma crise no mercado financeiro, até as empresas mais sólidas estão sujeitas a quedas, mas é também nesses momentos que surgem as melhores oportunidades de comprar ações potencialmente lucrativas, a preços mais acessíveis e ter ganhos futuros ainda maiores.   

 

Faça uma projeção futura da empresa

O investimento na bolsa de valores é um tipo de aplicação que gera lucros maiores a longo prazo. Por isso, parte fundamental da sua avaliação deve estar baseada em uma perspectiva futura da empresa.

Procure saber quais os planejamentos da empresa para os próximos anos, se ela receberá algum aporte, se tem planos de expansão e todos os riscos aos quais ela está sujeita. Além de acompanhar as notícias do mercado especializado, você poderá consultar os relatórios que companhias emitem periodicamente para prestar constas aos seus acionistas.

 

Conheça o repertório de uma empresa na bolsa de valores

Por último, ainda que se trate de um investimento futuro, averiguar o passado da empresa também pode ajudar a montar a sua carteira. Conhecer os altos e baixos e saber como a empresa se comportou em situações de risco pode oferecer um bom panorama para saber o que esperar dela em diferentes momentos da economia.

Esses cinco passos já são um ótimo começo para quem quer investir na bolsa e não sabe quais empresas escolher para montar uma carteira de ações. Agora, se você que conhecer mais segredos para ser bem sucedido nas suas aplicações, conheça o curso do Investidor de sucesso e corra atrás da sua independência financeira sem sair de casa!