Conheça os tipos de ações para investimentos

Tempo de leitura: 3 minutos

tipos de açõesNão há como negar que, nos últimos anos, o mercado de ações tem despontado como uma ótima alternativa para aqueles que desejam conseguir uma boa rentabilidade com seu capital e até conquistar a independência financeira em longo prazo. Mas, é verdade também que grande parte das pessoas que desejam começar a fazer aplicações conhecem muito pouco sobre o mercado da bolsa de valores e quais são os principais tipos de ações para investimentos.

No Brasil, podemos dizer que existem dois grupos principais de ações: as ações ordinárias (ON) e as ações preferenciais (PN), sendo que cada uma delas tem suas particularidades e são recomendadas para diferentes investidores. Por isso, neste post você vai saber mais detalhes sobre cada uma e descobrir qual é a mais indicada para o seu perfil de investidor.

 

Ações Preferenciais (PN)

As ações preferenciais nominativas são típicas do mercado brasileiro. Sua principal característica é que elas atribuem aos acionistas a prioridade na distribuição dos dividendos, sejam eles fixos ou mínimos, e no reembolso do capital. Além disso, a legislação brasileira ainda estabelece um dividendo mínimo obrigatório para as ações preferenciais, o que dá mais garantias aos acionistas.

Apesar desses diferenciais, é preciso ressaltar que os acionistas desta modalidade não possuem direito a voto em assembleia e, caso a empresa seja vendida, também não há garantias de participação do prêmio de controle. Mas, algumas organizações já estão mudando seus estatutos com a finalidade de permitir que as ações PN se adequem ao tag long, que nada mais é do que um mecanismo na Lei das S.A para dar mais garantias aos acionistas minoritários.

 

Ações Ordinárias (ON)

Diferente das preferenciais, as ações ordinárias (ON) conferem aos acionistas a participação nos resultados da companhia, além do direito ao voto nas assembleias da empresa. Em contrapartida, este tipo de ação não concede o direito preferencial aos dividendos.

Segundo a Lei das Sociedades Anônimas, os acionistas minoritários que possuem ações ordinárias têm direito a receber, pelo menos, 80% do valor pago pelo controlador caso haja a venda do controle.

 

Qual é a melhor tipo de ação para investir?

Como foi possível notar, cada um desses tipos de ação possui características específicas e particulares. Por isso, não há como dizer que uma é melhor do que a outra. Para saber como escolher, o mais indicado é analisar cada caso e ver qual delas se encaixa nas suas expectativas.

Quem pretende operar na bolsa com uma carteira baseada em dividendos e com objetivos de lucro a longo prazo, pode obter mais vantagens apostando em ações preferencias, já que, por lei, os acionistas dessa categoria têm direito a receber dividendos 10% maiores do que os investidores de ações ordinárias. Por outro lado, quando você investe nas ações ON, você faz parte do bloco controlador da empresa.

Dessa forma, na hora de escolher o melhor tipo de ação para investir, reflita bem sobre quais são os seus objetivos e lembre-se sempre de analisar as regras de governança corporativa das empresas que pretende comprar ações.

Continue acompanhando as minhas dicas aqui, no meu perfil no Facebook e no meu canal no YouTube!